foto

Estradas e Bandeiras

Oswaldo Montenegro

Um homem, uma estrada e um cavalo
Seguindo no escuro da noite
Os sinais do Cruzeiro do Sul
Destino de um homem só
E de tantos mais
Que pegaram essas paradas
Sem a agonia de ir longe ou perto
E dá-lhe pó
publicidade