Maria Bethania

Casa de Caboclo

Maria Bethania

Quem vê aquela casa de caboclo
Feita de palha e reboco
Que a mata beija e abraça

Como pode saber?
Olhando assim lá de fora
Que dentro desse rancho mora
A mais bela flor da raça

Falo da Rosa
Que quando me beija
A minha pele acobreia
Minha alma chora

Flor mestiça
Que não tem receio
Em ser brasiliana
Quando aflora

Bendito
Aquele que semeia
Verdes a mão cheia
E diz a flor floreia

Quem vê aquela casa de caboclo
Feita de palha e reboco
Que a mata beija e abraça

Como pode saber?
Olhando assim lá de fora
Que dentro desse rancho mora
A mais bela flor da raça

Falo da Rosa
Que quando me beija
A minha pele acobreia
Minha alma chora

Flor mestiça
Que não tem receio
Em ser brasiliana
Quando aflora

Bendito
Aquele que semeia
Verdes a mão cheia
E diz a flor floreia
publicidade