Moda da Onça

Maria Bethania

Uma vez meninos na roça
Me cortaram uma caninha
Voltaram na disparada
Tomba aqui, tomba tu lá
Eu fui, perguntei
'O que é que há?'

Era um bicho pintado
De cara chata,
Orelha redonda,
O bigode espetado,
As mãos maringá
Um rabo comprido que vai por lá
E eu disse
'Isso é onça,
Isso é onça'

Chamei os meus cachorros,
Cachorros de minha fé,
Que late fino e grosso,
E late com o riso alto

Chamei o tomba morro,
Chamei o 'rompe' nuvem,
Chamei quebra corrente,
(?)

Ahhh, hummm...

Fui de pau em pau,
Fui de toco em toco,
De toco em toco,
De moita em moita,
De moita em moita,
De toco em toco,
De toco em toco,
De pau em pau.

E o bichão caiu lá
Isso é onça.