foto

Calor De Verão

Jorge De Altinho

Vem cá meu bem que eu estou daquele jeito
É um batido no peito que não tem fim
Vem pra mim, olhe pra mim, vem ver minha emoção

É a sede por um beijo, é calor de verão
Meu rio tá enchendo, tá querendo te afogar
Você tem que navegar na canoa da paixão
Eu vou te castigar e o beijo que eu vou
Te dar você vai cair no chão

Eu quero, ver você morrer de beijo
Eu quero, ser seu queijo no teu pão
Eu quero, ter aquilo que desejo
Eu quero, você no meu coração


publicidade