foto

Ninguém Desata Esse Nó

Jorge De Altinho

Meu bem teu chamego me mata
Faz todo meu corpo tremer
Me aperte me açoite me bata
Quero ver suor escorrer

E quando a poeira levanta
É bom chamegar no forró
Chega a dar um nó na garganta
E ninguém desata esse nó

Mas ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Quanto mais aperta mais fica melhor
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Quanto mais aperta mais fica melhor

É chamego todo dia
Nunca vi tanta alegria, no meu coração
Quando entro nesse jogo
Meu amor ascende o fogo da minha paixão

É amor pra todo lado
Amor chega a levantar pó
É um xodó bem amarrado
E ninguém desata esse nó

Mas ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Quanto mais aperta mais fica melhor
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Quanto mais aperta mais fica melhor

Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Ninguém desata esse nó
Quanto mais aperta mais fica melhor [2x]
publicidade