Rapaz Do Táxi

Zé Ramalho

O rapaz do táxi me falou
que brigou com seu amor
tava muito chateado

Que seu sangue era gasôlina
sua mente o motor
seus olhos claros faróis
a procurar aquela saída

Perguntado apontei o caminho
sem saber onde fica ou que tem lá

Se vai dar nas inquietas meninas
de Olinda ou no inquieto Thiago
Trabalho de longe de perto eu te vejo
aqui quase longe

Nesse táxi coberto de sal
nesse espaço cetim cor de anil
lá vou eu rólo o táxi na estrada
lá vou eu nas manhãs de abril(2x)