foto

Pau De Arara (part. Dominguinhos)

Zé Ramalho

Quando eu vim do sertão seu moço
Do meu bodocó
A malota era um saco
E o cadeado era um nó
Só trazia a coragem e a cara
Viajando num pau-de-arara
Eu penei, mas aqui cheguei
Trouxe um triângulo, no matulão
Trouxe um gonguê, no matulão
Trouxe um zabumba, dentro do matulão
Xote, maracatu e baião
Tudo isso eu trouxe no meu matulão
publicidade