foto

Ócio Não É Negócio

Vivendo do Ócio

Resolvi sentar, para não ficar parado
Resolvi fazer, tudo que você acha errado

Quis me libertar do patrão que foi plantado
Tenho suor e dinheiro, obediente sempre calado

Prefiro viver meu mundo a ficar velho acreditando
Ser mais um contribuinte, não sou apenas mais uma maquina

O meu ócio te incomoda, seu negocio só destrói
Você é uma peça nesse jogo que o final é sempre igual

Prefiro viver meu mundo a ficar velho acreditando
Ser mais um contribuinte, não sou apenas mais uma maquina


publicidade