foto

Pialo Da Saudade

Teixeirinha

Não há pialo mais forte do que a saudade
Amarra a gente como um potro redomão
Vai dando golpes no palanque do meu peito
Cortando ao meio o meu triste coração

Esta saudade que dispara em tiro longo
Na cancha reta repontando uma lembrança
É a saudades lá do Rio Grande do Sul
Onde o céu é mais azul, eu voltarei tenho esperança

Todos os estados do meu Brasil é um jardim
Mas o Rio Grande, ele é tudo para mim

Deixei os pagos que há tempo me viu nascer
E disparei por este Brasil adentro
Mas na saudades no meu peito de gaúcho
Com a coração vive brigando no centro

Também deixei uma china lá nos pagos
Gaúcha linda como um diamante azul
Ela e os pagos são dois laços que me puxa
Querida terra gaúcha do meu Rio Grande do Sul

Todos os estados do meu Brasil é um jardim
Mas o Rio Grande, ele é tudo para mim

__ Eita saudades malvada, vai matando pouco a pouco o coração do gaúcho.

Se não apaga a fúria desta saudades
Eu arrebento o alambrado que me cerca
Eu frouxo a rédea na estrada rumo ao sul
E os compromissos que eu tiver que leve a breca

Quero rever os meus pago e minha china
Tá resorvido e não tem ninguém que me mande
Eu sou gaúcho e se morrer em outro estado
Morro com o corpo virado e com a cabeça pro Rio Grande
Eu sou gaúcho e se morrer em outro estado
Morro com o corpo virado e com a cabeça pro Rio Grande
publicidade