foto

Quimera

Silva

Quem me dera
Uma quimera
Que a certeza
Da ilusão

Primavera
Era mais bela
Que a dureza
Do verão

Esse sol que racha o coco
E faz o dorso duvidar
O meu coração tá oco
Você foi sem me avisar

Já não era cidadela
Na firmeza
Do colchão
Virou guerra
Uma querela
Na cabeça
Furacão

Sem sentido eu feito louco
No meu corpo a lamentar
Era bom agora é osso
Uma dureza de matar

Pra que sentir
Coração feito de água
Não vou mentir
A saudade me naufraga
Quando acalmar
E eu nem sequer te lembrar
Vou amar de novo
publicidade
publicidade