E-mails vazados comprovam que ex-empresária de Britney Spears planejava tutela

, 12h45, por Amanda Ramalho

Mais um capítulo é revelado no caso da tutela de Britney Spears.

Através do vazamento de alguns e-mails, Matthew Rosengart, o advogado da eterna princesinha do pop, revelou que Louise "Lou" Taylor, ex-empresária da artista, planejou a tutela que durou 13 anos.

Matthew incluiu nos documentos judiciais esses e-mails enviados em janeiro de 2008 para os advogados do pai da cantora, Jamie Spears, em que relatava, segundo o portal "Pagesix", "procuro trabalhar com vocês".

Minutos depois ela enviou um e-amil para Jamie para avisar que tinha entrado em contato com os advogados que ajudariam a controlar o dinheiro de Brit. Com o envolvimento de Taylor na tutela, ela teria faturado US$ 18 milhões.

"Como todas as evidências deixam bastante claro, a tutela foi criada por recomendação do advogado, não Tri Star, e aprovado pelo Tribunal há mais de 12 anos. Na verdade, a Tri Star nem era a gerente de negócios da tutela quando foi criada (...) Excertos de e-mails escolhidos a dedo não podem mudar os fatos, e é por isso que esse absurdo terminará de uma vez por todas quando os registros forem abertos", afirmou.

Fique por dentro de tudo o que acontece no mundo da música. Curta nossa página no Facebook!

Ouvir músicas de Britney Spears