Zeca Pagodinho

Zeca Pagodinho

Samba, Pagode

O Garanhão

Zeca Pagodinho

Para de dizer que o cara agora é você
Cuidado que a sua barba pode crescer
Baixa essa bola, pois entrando assim de sola
Você vai se dar mal, muito mal
Fica na sua, pois a turma aqui da rua não te acha legal: “se liga!”
Vive se gabando, diz que é pegador
Se cair na rede é peixe do pescador
Leva pro “apê”, coloca um filme privê
Faz a mulher se humilhar: “malvado!”
Quando a gatinha tá gostando, se empolgando, você manda vazar

Tô te dando um papo de amigo
Eu sei o tamanho do perigo
Tá chegando agora no pedaço e já quer mandar: “abusado!”
Olha, não é assim que a banda toca
Seu comportamento o mal provoca
A galera não aguenta mais te aturar

Seu garanhão, mulher dos outros é pra se respeitar
Principalmente aqui no nosso lugar
Malandro demais jogam na vala, não tem perdão
Preste atenção, ainda é tempo de se recuperar
Se não a fila dessa vez vai andar, contigo dentro do caixão: “vacilão!”






Vida Da Minha Vida
Album: Vida Da Minha Vida
Gravadora: Universal Music International Ltda.
Ano: 2010
Faixa: 15
  • publicidade