Pixote

Amor Refém

Pixote

Eu ando abandonado
Sofrendo calado sem você
Que sempre me ilude,
Tome outra atitude
Vem me ver
Você já não me olha
Passa e nem dá bola
Sem ter por que
Me diz se vai voltar
Se eu posso te esperar
Ou te esquecer
Vem dizer
Se meu erro foi amar demais
Sem medo, sem olhar pra trás
Sabendo que podia acontecer
Não, não deixe que a sua indecisão
Maltrate o meu pobre coração
Que já sofreu por tanto te esperar

Vem cá me ver, meu bem
Tô no mesmo lugar
Desse amor refém
Vem me libertar

publicidade