Jefferson Moraes fala sobre seu DVD, carreira e muito mais

, 11h05, por Alexandre Murari
Divulgação

Bom, se você estiver por dentro do que rola no mundo do sertanejo universitário é bem possível que já ouviu falar deste nome: Jefferson Moraes.

Cantor desde os cinco anos e multi-instrumentista desde os 10, o sertanejo foi vencedor do quadro "Iluminados" de 2015, e recentemente gravou o DVD "Start IN São Paulo", que traz participações de nomes como Jorge e Mateus, Gusttavo Lima e Israel Novaes.

Para fechar o ano e fazer um balanço de como foi 2016, o músico bateu um papo com a redação da Kboing e revelou alguns detalhes sobre sua trajetória, suas inspirações, o relacionamento com os fãs e muito mais!

Confira abaixo:

Kboing: Bom, Jefferson, já são quantos anos na música? Como a sua carreira e o Iluminados refletiram e refletem na sua vida?

Jefferson Moraes: Comecei a cantar com 5 anos. Não foi profissionalmente, claro. Mas posso dizer que com 5 anos começou a minha caminhada musical. Aos 10 anos eu já tocava teclado, violão, guitarra e outros instrumentos. Talvez profissionalmente mesmo eu tenha começado após vencer o Iluminados - foi a partir dele que comecei a ter uma rotina de shows e a pensar no meu hobby como profissão.

Kboing: Como é olhar para trás e entender essa caminhada?

Jefferson Moraes: O Iluminados para mim representa a certeza que, com a ajuda de Deus, sonhos podem se realizar. Participar do programa já foi uma vitória muito grande e vencer foi, ah, sem dúvida foi uma das maiores alegrias que eu tive na minha vida.

Kboing: Após vencer o programa, como foi o lidar com o público? Qual retorno os fãs te dão – seja pessoalmente ou pela internet?

Jefferson Moraes: O público já curtia bastante meus vídeos caseiros na internet. Meu contato com eles vem daí. Talvez essa turma toda que já curtia minhas músicas tenha ajudado na votação que me proporcionou vencer o programa. Até hoje em alguns lugares do Brasil tem gente que me chama de... "Olha o iluminado.". É engraçado. Nos aeroportos isso é bem frequente. É muito legal interagir com eles. Uso muito a internet para isso.

Kboing: Onde você tira inspiração para música? Além do sertanejo, quais os estilos musicais que você gosta?

Jefferson Moraes: Ah, a inspiração vem de casos próximos, de situações hipotéticas... ‘Cê’ acha que eu que passei aquelas tristezas todas nas músicas românticas que eu canto? Nossa... não foi isso não. Rsrsrs...

Kboing: Tem algo ainda a ser alcançado como artista – ou como pessoa - que você não conquistou?

Jefferson Moraes: O que eu almejava eu já consegui. Viver da música e poder dar uma casa e uma vida boa para minha mãe, dona Laura. Mas, como a gente vai sempre mudando... hoje eu almejo coisas maiores. Quero muito ser reconhecido de norte a sul pela minha música, levar alegria para esse Brasil e poder fazer um trabalho que toque o coração das pessoas.

Kboing: Quanto ao ano de 2016, qual a retrospectiva de Jefferson Moraes? Quais foram os feitos neste ano?

Jefferson Moraes: Em 2016 eu consegui chegar mais longe. Toquei de norte a sul. Atualmente minha agenda é distribuída por todo o país. Isso foi um marco. Mas o marco maior foi a gravação do DVD "Start IN São Paulo", esse trabalho será a base da minha carreira em 2017. Pessoal, tem muita música boa. Ouçam e ajudem o Jefinho aqui. Rsrsrsrs...

Kboing: E em 2017, o que vem pela frente? O que os ouvintes e amantes da música podem esperar? Agenda de shows, parcerias, novidades etc?

Jefferson Moraes: Vamos trabalhar o novo DVD. E divulgar as Músicas gravadas em parceria com Jorge e Mateus, Simone e Simária, Israel Novaes e Gusttavo Lima.

Ouça Jefferson Moraes | Ouça Playlist Top Sertanejo