Realce

Gilberto Gil

Não se incomode O que a gente pode, pode O que a gente não pode explodirá
A força é bruta E a fonte da força é neutra
E de repente a gente poderá
Realce, realce Quanto mais purpurina melhor
Realce, realce Com a cor-do-veludo, com amor
Com tudo de Real teor de beleza
Realce, realce, realce, realce Realce, realce, realce, realce

Não se impaciente O que a gente sente, sente
Ainda que não se tente afetará
O afeto é fogo E o modo do fogo é quente
E de repente a gente queimará
Realce, realce Quanto mais parafina melhor
Realce, realce Com a cor-do-veludo, com amor
Com tudo de Real teor de beleza
Realce, realce, realce, realce Realce, realce, realce, realce

Não desespere Quando a vida fere, fere
E nenhum mágico interferirá
Se a vida fere Com a sensação do brilho
De repente a gente brilhará
Realce, realce Quanto mais serpentina melhor
Realce, realce Com a cor-do-veludo, com amor
Com tudo de Real teor de beleza
Realce, realce, realce, realce


Envie essa música para um amigo

Realce
Album: Realce
Gravadora: Palco
Ano: 1979
Faixa: 1
  • publicidade
  • Top Músicas
  • 01 Vamos Fugir
  • 02 Aquele Abraço
  • 03 Ciência E Arte
  • 04 Palco
  • 05 Parabolicamará
  • 06 Eu Só Quero Um Xodó
  • 07 Maracatu Atômico (Fatboy Slim Presents Gilberto Gil)
  • 08 Toda Menina Baiana (Fatboy Slim Presents Gilberto Gil)
  • 09 Toda Menina Baiana
  • 10 Neve Na Bahia