Básico Instinto

Fausto Fawcett

Iminente pulsação
No coração esvaziado por
Inútil dia-a-dia que te deixa
Invertebrado, te deixa bem
Medíocre sem visão
Te deixa bem medíocre sem
Visão sem
Perspectiva de sucesso pro
Espírito pra carne pois
Teu corpo tua alma
Quer sucesso que te leve
Muito além dessa vidinha
Zé ninguém que de repente
Vira alguém via iminente pulsação
Pulsação de sonho-crime
De erótico sucesso que te
Tira dessa vida ordinária
De repente transformada
Por um básico instinto
Não tem democracia
Nem conquista humanista
Nenhum fundo de conforto social
Nenhum fundo de conforto social
De tradição assim gregária
Bem estar de sociedade equilibrada
Nenhum fundo de conforto social
Mas não tem sequer família
Amizade ou compaixão
Que estanque o encosto
De sangue
Que segure, obstrue ou
Camufle a estranha luz
Fascista, a estranha luz
Fascista desse básico instinto
Lâmina exu fecunda tudo
Sexo punhal na língua goza
Lâmina exu goza
Êxtase poder grana vem
Escândalo sucesso de
Escândalo prazer
Na manchete da demência
Do espírito
Espírito da alma
Que é lasciva que é
Rasgada pela carne
Eletrizada que já foi
Assim levada para ser
Purificada na lunática
Cozinha do básico instinto
  • publicidade