Pouco a Pouco / 50 Vezes (Ao Vivo)

Dilsinho

Iê, iê, iê, iê
Iê, iê, iê, iê

Mudei de endereço, mas eu nem tô tão distante
São cinco quadras a mais do que a casa de antes
Tô tentando me desapaixonar
Mas vamos devagar
Não é tão fácil assim
Tá nos planos a gente se afastar
Como você pediu pra mim

Pra desconstruir o que vivemos de vez
Vai levar alguns anos, e não um mês

Primeiro, não vou mais falar seu nome
Segundo, vou trocar meu telefone
Depois te bloquear nas redes sociais
Pra não te ver mais, pra não sofrer mais
Terceiro, eu vou esquecer seu rosto
E do seu beijo quero ter desgosto
Vou me desfazendo de você pouco a pouco
(2x)

Iê, iê, iê, iê
Iê, iê, iê, iê

Vou me desfazendo de você


Eu nem acredito que eu tô sentindo falta
Das 50 vezes que você ligava por dia
Só pra ficar cuidando da minha vida

E eu te criticava
Dizia que o seu amor sufocava
Que nada!
Seu jeito exagerado era o que eu gostava
E é exagerada até pra fazer falta

E se eu reclamar você vai dizer que não é nada
Você vai insistir que não mudou, só andou ocupada
E o trouxa sou eu que não valorizava
(2x)

Uô, uô, uô, uô
Uô, uô, uô, uô
Ooh, uô, uô
Que o trouxa sou eu que não valorizava
(2x)

Uô, uô, uô, uô
Uô, uô, uô, uô
Ooh, uô, uô

Eu nem acredito que eu tô sentindo falta
Das 50 vezes que você ligava por dia
Só pra ficar cuidando da minha vida
publicidade