Cajuína

Caetano Veloso

Existirmos: a que será que se destina?
Pois quando tu me deste a rosa pequenina
Vi que és um homem lindo e que se acaso a sina
Do menino infeliz não se nos ilumina
Tampouco turva-se a lágrima nordestina
Apenas a matéria vida era tão fina
E éramos olharmo-nos intacta retina
A cajuína cristalina em Teresina


Envie essa música para um amigo

Album: Homem Comum (2003)
Gravadora:
Ano: 2003
Faixa: 40
  • publicidade
  • Top Músicas
  • 01 Você Não me Ensinou a te Esquecer
  • 02 Lingua
  • 03 Atiraste Uma Pedra
  • 04 London London
  • 05 Sozinho
  • 06 Gravidade
  • 07 De Palavra Em Palavra
  • 08 Você Não Entende Nada (Multishow Ao Vivo)
  • 09 Boas Vindas
  • 10 Valsa de Euridice - Lua, Lua Lua (Santa Lua)