foto

Acasalamento

Belo

Você tem tudo que eu preciso
Prazer demais, pouco juízo
Quando se entrega, quando ama

Pro nosso acasalamento
Se eu não tiver arrumo um tempo
Toda vez que você me chama

No entanto você se aborrece
E do meu amor desconfia
Quando a sábia natureza
Traz pro seu corpo aqueles dias
Mas você nunca me chama
Nesses dias nem te vejo
E sozinho quase morro de desejo

Deixa eu viver sua realidade
No dia-a-dia, na vida, na cama
Vem dividir sua intimidade
Com quem te adora, com quem você ama
Antes de achar que é infidelidade
Despe tua alma, tire a fantasia
Pra que a minha se sinta à vontade
E eu possa te dar amor nesse dia

publicidade