fotos de 3030

3030

Rap

Tranquilão

3030

E eu tô ligeiro, vivendo sem medo
Se a vida é um filme, essa madruga é só o começo
E eu tô tranquilão
Vivendo sem medo
Nossa vida é um filme, a madruga é nosso roteiro
Eu tô tranquilão
E o resto a vida traz
E eu tô tranquilão
O resto a vida traz

Sabe que eu tô tranquilão, né
Mas quando ela passou sabe que eu fiquei sem chão, é
Minha firma prosperou
Sabe que eu tô tranquilão, né
A vida quis me dar sermão, né
Aprendi com meus irmãos, é
Eu caio mas termino em pé
Meu dedo pra esses vacilão, cês só passa o pano, é
No filme da minha vida cês são coadjuvante, é
E eu não vou falhar a missão, fé
(Não, não)
Meu time vai ficar de pé

Vivendo ligeiro, brinda primeiro
Põe gelo no copo, outra noite, outro foco
Outras mulheres na foto
Minha vida é um roteiro de um filme nunca terminando
Visto por milhões de olhos
Te procurei em outros copos
Foquei nos negócios, dono da firma
Chefe da boca do crime sonoro, tô benzão
Tô pronto pro que der e vier
E hoje eu tô melhor do que eu pude esperar
Não adianta tu tentar

E eu tô ligeiro, vivendo sem medo
Se a vida é um filme, essa madruga é só o começo
E eu tô tranquilão
Vivendo sem medo
Nossa vida é um filme, a madruga é nosso roteiro
Eu tô tranquilão
E o resto a vida traz
E eu tô tranquilão
O resto a vida traz
E o resto a vida traz

Tranquilão, tranquilão, eu tô tranquilão

E eu sigo na brisa, na boa
Já sei o quanto vale a vida sem se preocupar
Tranquilo minha voz ressoa
Mas não espere que eu fale o que você quer escutar
Tu sabe que o dia é corrido, eu faço o jogo
Me agride, eu te dou outra face
Pra que ser fútil?
Isso não é útil
Longe desse sentimento volátil
Porque você insiste e me joga e nivela por baixo
Critica tudo que eu faço, já disse tudo o que eu acho
Mas você é tudo que eu quero
Tudo que eu quero
  • publicidade