Zezé Di Camargo e Luciano

estilos: Sertanejo, Romântico

Pedaços de Fotografia

Essa noite foi um pé no saco
Veja só o barraco que a gente fez,
Entre palavrões e desacatos
Rasgar o seu retrato foi insensatez

Quando recobrei a consciência,
Da minha inconsequência era quase dia
Amanheci nos meus embaraços
Colando pedaços de fotografia

Eu quis de novo olhar pra ela
Juntei os pedacinhos da foto e colei
Mas justo a parte dos olhos dela
Eu não encontrei

Na hora passei da medida
Não pensei na gente, fui longe demais
Um ato de covardia, pus tudo a perder
Agora não tem mais saída
Não é simplesmente se arrepender
Pois nem sua fotografia tá querendo me ver

Quando recobrei a consciência,
Da minha inconsequência era quase dia
Amanheci nos meus embaraços
Colando pedaços de fotografia

Eu quis de novo olhar pra ela
Juntei os pedacinhos da foto e colei
Mas justo a parte dos olhos dela
Eu não encontrei

Na hora passei da medida
Não pensei na gente, fui longe demais
Um ato de covardia, pus tudo a perder
Agora não tem mais saída
Não é simplesmente se arrepender
Pois nem sua fotografia tá querendo me ver

Na hora passei da medida
Não pensei na gente, fui longe demais
Um ato de covardia, pus tudo a perder
Agora não tem mais saída
Não é simplesmente se arrepender
Pois nem sua fotografia tá querendo me ver
    • publicidade
    • Mais ouvidas de Zezé Di Camargo e Luciano
    • 01 Flores em Vida
    • 02 Cada Volta É Um Recomeço
    • 03 No Dia Em Que eu Saí De Casa
    • 04 Você Vai Ver
    • 05 A Distância
    • 06 Dois Corações E Uma História
    • 07 Diz Pro Meu Olhar
    • 08 Vivendo Por Viver
    • 09 Como Um Anjo
    • 10 Será Que Foi Saudade
    • 11 Pior é Te Perder
    • 12 Doce Paixão
    • 13 A Ferro e Fogo
    • 14 Cara ou Coroa
    • 15 Coração Está Em Pedaços
    • 16 Eu Te Amo
    • 17 Meu destino Te Escolheu
    • 18 Deu Ocupado De Novo
    • 19 Chega
    • 20 Deve Ser Amor
versão clássica © 2019