fotos de Zeca Pagodinho

Zeca Pagodinho

Samba, Pagode

Camarão Que Dorme A Onda Leva - São José De Madureira - Dor De Amor

Zeca Pagodinho

Não pense que meu coração é de papel
Não brinque com o meu interior

Camarão que dorme a onda leva
Hoje é o dia da caça
Amanhã do caçador

Camarão que dorme a onda leva
Hoje é dia da caça
Amanhã do caçador

Não quero que o nosso amor acabe assim
Um coração quando ama é sempre amigo
Só não faça gato e sapato de mim
Pois é aquele que dá pão, também dá castigo
Só não faça gato e sapato de mim
Pois aquele que dá pão pão, também dá castigo

(Não pense que meu coração)

São José
Tú protejas a serrinha
Que felicidade minha
Eu poder te contemplar
Tua capela é tão bela
Enfeita o morro
Mas quem te pede socorro
Não é só quem vive lá
Quem te agradece
Por ser tão bem assistido
E ter sempre conseguido
Tantas glórias a teus pés
é quem sobe o morro
Carregando lata d'agua
Solta o riso, esquece a mágoa
Faz do samba brincadeira
(De onde é?)

Ai! Como dói a dor
Como dói a dor de amor
Quem se desencantou
Soube o que é chorar
Nesse mundo não tem professor
Pra matéria do amor ensinar
Nem tão pouco se encontra doutor
Dor de amor é díficil curar

Chico-Preto malandro veneno
Agora é sereno viver de paixão
Sorte dele ser correspondido
É bem sucessidido, não ama em vão
E o contrário foi o branco chico
Tão belo e tão rico
Dono da Razão
Não valeu seu poder financeiro
Pois não há dinheiro que compre a emoção
Ele quis viajar de saveiro
Mas era jangada e embarcação

Que saiu mas encalhou
Não chegou a alto mar
Mais um sonho naufragou
Dor de amor é díficil curar
Mais um sonho naufragou
Dor de amor é díficil curar
Aí! Como dói a dor...

  • publicidade