Waguinho

Waguinho

Gospel/Religioso

Mulher Santa

Waguinho

A minha não é melancia, não é moranguinho
E também não é melão
A minha mulher é de monte, é mulher de jejum,
É mulher de oração
Ela dobra o joelho e ora, quando vai dormir,
Quando se levanta
A mulher de um homem de Deus meu irmão,
É a mulher Santa
A mulher de um homem de Deus meu irmão,
É a mulher Santa...

Pode falar quem quiser
pode fazer o que for
Mulher Santa é a minha mulher
Que uma serva do Senhor...

Uma jóia de ouro em focinho de porco
É a mulher formosa que não tem juízo
Vive de roupa apertada, toda decotada
De piercing no umbigo
Mas a minha não tem vaidade de usar de maldade
Um brinco, um batom, a minha tem coração puro
E anda no seguro de coque e roupão...

Pode falar quem quiser
Pode fazer o que for
Mulher Santa é a minha mulher
Que uma serva do Senhor...
  • publicidade