foto

Fato Consumado / Ponto Final (Ao Vivo)

Vitinho

Nem de cabeça quente
Você tinha o direito
De me tratar assim
Ignorar tudo que eu faço por você
Só por vaidade
De me ter ao seu dispor
Ao seu bel-prazer
Não sei, não sei

Aonde quer chegar com isso
O nosso amor correndo risco
E você entra nessa de dizer
Que tanto faz, enfim
O que adianta eu dizer que estou errado?
Se isso já é fato consumado
E se você não vai voltar atrás

É pena que você não faça nada pra mudar
Tem que ser do teu jeito
Conhece os efeitos
E leva esse jogo até o fim
Agora é muito fácil vir cobrar de mim
Apontar os meus defeitos
Olha, eu não sou perfeito
E nem pretendo ser assim

Tudo é motivo
Pra gente sentar e conversar
Nosso jeito de fazer as pazes já não dá
Tua paciência não é a mesma
De quando a gente se conheceu
Tudo mudou
Você e eu

O sofá da sala já tem travesseiro e cobertor
E já não importa se faz frio ou faz calor
Toda noite é assim
Madrugada não tem fim
E você cada vez tá mais longe de mim

Eu só quero o seu bem
Nunca mais brigar
Te fazer a pessoa mais feliz da vida
E com mais ninguém me relacionar
Pois você é meu ponto final

Eu só quero o seu bem
Nunca mais brigar
Te fazer a pessoa mais feliz da vida
E com mais ninguém me relacionar
Pois você é meu ponto final

Eu gosto de você
E você gosta de mim (de mim)
A gente não pode continuar assim
Senão é ponto final
publicidade
publicidade