Por Onde Ando Tenho Você

Vanessa da Mata

Oh, Oh, Oh, Oh...

Vejo seu corpo nas praias da Rio
Suas mãos no pôr-do-sol do Japão
Vejo o Araguaia em seus olhos
Em um segundo me distraio do mundo

Vejo seu corpo nas praias da Rio
Seu jeito de andar em Casa Blanca
Seu perfume nos jardins da holanda
A Itália em sua feição

Nunca mais vou estar sozinho
Por onde ando reconheço o destino
Por onde olho eu tenho esperanças
Por onde inclino a minha direção tenho você

Vejo seu corpo nas praias da Rio
Suas mãos no pôr-do-sol do Japão
Vejo o Araguaia em seus olhos
Em um segundo me distraio do mundo

Nunca mais vou estar sozinho
Por onde ando reconheço o destino
Por onde olho eu tenho esperanças
Por onde inclino a minha direção ...

No Araguaia eu me banho
No Rio eu me refaço
Na África eu me acho
Todos são parte de mim
Todos são você

No Araguaia eu me banho
No Rio eu me refaço
A vida segue um caminho
O mundo vai repetindo
Que sou eu e você
Eu e você...
Aviso Legal - Política de Privacidade