foto

Rita

Tierry

Sua ausência tá fazendo mais estrago que a sua traição
Le, le, le, le
Minha cama dobrou de tamanho sem você no meu colchão
Seu perfume tá impregnado nesse quarto escuro
Que saudade desse cheiro de cigarro e desse álcool puro
Rita, eu desculpo tudo

Ô Rita, volta desgramada
Volta, Rita, que eu perdoo a facada
Ô Rita, não me deixa
Volta, Rita, que eu retiro a queixa
Ô Rita, volta desgramada
Volta, Rita, que eu perdoo a facada
Ô Rita, não me deixa
Volta, Rita, que eu retiro a queixa

Sua ausência tá fazendo mais estrago que a sua traição
Le, le, le, le
Minha cama dobrou de tamanho sem você no meu colchão
Seu perfume tá impregnado nesse quarto escuro
Que saudade desse cheiro de cigarro e desse álcool puro
Rita, eu desculpo tudo

Ô Rita, volta desgramada
Volta, Rita, que eu perdoo a facada
Ô Rita, não me deixa
Volta, Rita, que eu retiro a queixa
Ô Rita, volta desgramada
Volta, Rita, que eu perdoo a facada
Ô Rita, não me deixa
Volta, Rita, que eu retiro a queixa
publicidade
publicidade