Cunhada - Quem Vai Mandar No Mundo é a Mulher (Ao Vivo)

Teodoro e Sampaio


Cunhada por favor não venha mais
Em suas férias colegiais visitar a minha casa.
Cunhada você acaba me matando,
Cada vez mais transformando o meu coração em brasa.
Cunhada sua irmã, minha amada, pediu nesta madrugada
Que eu fosse lhe cobrir...
Seu corpo, quase despido encontrei,
De tanta tensão fiquei... quase que não resisti...

Não venha com seu vestido vermelho,
Bem pra cima do joelho, em minha frente sentar.
Cunhada tenho medo que eu esqueça,
Posso perder a cabeça e uma hora te agarrar.


Quem vai mandar no mundo eu sei quem é
Quem vai mandar no mundo é a mulher
Quem vai mandar no mundo eu sei quem é
Quem vai mandar no mundo é a mulher

A mulher enfrenta o frio
Enfrenta a chuva
Enfrenta o sol
A mulher tá na política
Rodeio e futebol
A mulher já está mandando e não é mentira minha
Não adianta ser machão igual um galo de rinha
A mulher vai pro trabalho e deixa o homem na cozinha
O homem ficou pra trás já está perdendo a graça
Não tem tempo pra mulher
Dia e noite na cachaça
O homem dormiu no ponto
A mulherada tá na praça

Quem vai mandar no mundo eu sei quem é
Quem vai mandar no mundo é a mulher
Quem vai mandar no mundo eu sei quem é
Quem vai mandar no mundo é a mulher





Album: 30 Anos Ao Vivo (2011)
Gravadora: Radar Records
Ano: 2011
Faixa: 3
  • publicidade