foto

Canção à Jovem Gaúcha

Tchê Barbaridade

Na doçura de um sorriso
ou na meiguice de um olhar
eu vejo o mundo se curvar
diante de tanta beleza

Meu verso tem mais nobreza
mais aparato mais vida
ao ver em ti resumida
os requintes da natureza

Mea prenda jovem gaúcha
beleza graça e ternura
vertente de água pura
brotando ao pé da sanga
Da linda flôr em botão
cheirando a mato e pitanga

És a estrela maior
na grande constelação
força viva inspiração
que vai la canta e graceja

És um touro que viseja
prá ser dona do universo
que eu não posso cantar no verso
por mais poeta que seja

Mea prenda jovem gaúcha
beleza graça e ternura
vertente de água pura
brotando ao pé da sanga
Da linda flôr em botão
cheirando a mato e pitanga

publicidade