Tânia Mara

Tânia Mara

Romântico

Amores Proibidos (Amores Prohibidos)

Tânia Mara

Coração sem dono pelas avenidas
Procurando calor
Fantasias que jamais terminam
E eu sem seu amor

Amores por quem se dá a vida
E um pouquinho mais
Eu te quis desde o primeiro dia e dando
Sem medo, sem paz

Amores proibidos
Que vem e que vão
E nunca saíram
Que não voltaram

Amores que matam
E doem demais
Amor pra esquecer
Amor pra lembrar
Não vá me deixar

Olhares que te dizem tanto
E te fazem sonhar
Madrugadas que jamais terminam
Inverno, verão

Mais uma vez
Te encontrarei
Me encontrarás

Amores proibidos
Que vem e que vão
E nunca saíram
Que não voltaram

Amores que matam
E doem demais
Amor pra esquecer
Amor pra lembrar
Não vá me deixar


Brincando de Amor
Album: Brincando de Amor
Gravadora: Deckdisc
Ano: 2002
Faixa: 3
  • publicidade