foto

O Mar Levou

Strike

Nunca vi ninguém chegar a lugar nenhum sozinho
Pior que perder amigo
é ver que eles se perderam no caminho
Foram pra nunca mais voltar
Pois quem se esquece de onde vem
Nunca sabe onde se quer chegar

Custou caro pro barco não naufragar
Vi tripulante se atirando ao mar
Mesmo sem saber nadar
Só não cobice o meu sangue
Cuidado, mau olhar sempre tem efeito bumerangue

O que a mente libertou
Não vão aprisionar
Ganância que te curvou
Não vai me acorrentar
Minha honra não tem preço
Pobreza de espírito vem de berço
Vendem alma por qualquer esmola

O mar levou pra longe o mal
E o tempo mostrou quem é quem
E o mar levou pra longe todo o mal
E a sorte diz amém
Pra quem não deve nada a ninguém

Honestidade eu sei que é algo caro
Pra alma que não vale um tostão
E mente fraca, oportunidade faz o ladrão
Tenta a sorte se quer brindar minha morte
Sei renascer e o que não me mata
Só me deixa mais forte

Então querem me pegar
Querem me pegar, querem me pegar mas é em vão
Homem sem palavra é alvo da solidão
Caiu no conto do vilão
Aí quem se deixou levar, daqui jamais serão

Se sujeitou e só a si mesmo soube enganar
Por tão pouco se sujou
Deixou-se escravizar
Dor da perda desconheço
Teu sorriso falso eu não mereço
Dividir com quem não vai somar

O mar levou pra longe o mal
E o tempo mostrou quem é quem
E o mar levou pra longe todo o mal
E a sorte diz amém
Pra quem não deve nada a ninguém

Do horizonte eu vejo além
A quem emana o mal vou só vibrando o bem
Da vida eu sei que quem muito quer nada tem
Tua relevância é zero a esquerda
É o papel que lhe convém

O que a lei dos homens não condena
A de Deus não absolve
Quem erra finge ter paz
Mas eu sei que não dorme
Fogueira da vaidade vai incinerar tua ambição
Saliva não mata sede na hora da provação

O mar levou pra longe o mal
E o tempo mostrou quem é quem
E o mar levou pra longe todo o mal
E a sorte diz amém
Pra quem não deve nada a ninguém

Árvore sem raiz não para em pé
publicidade
publicidade