foto

Okinawa (feat. Fernanda Takai)

SILVA

Já deu a hora
Não me conformo
O mar não é de calma
A calma é um naufrágio
E é tudo um desencontro

Fiquei de fora
Do seu retorno
O que é que a gente salva
Se é tudo assim tão frágil
Vazio e sem contorno

Faz chuva, esconde o horizonte
A cada vez que você não vem
Não vale se amar tão de longe
É de perto que a gente se faz um bem

Faz chuva, esconde o horizonte
A cada vez que você não vem
Não vale se amar tão de longe
É de perto que a gente se faz um bem

Já deu a hora
Não me conformo
O mar não é de calma
A calma é um naufrágio
E é tudo um desencontro

Fiquei de fora
Do seu retorno
O que é que a gente salva
Se é tudo assim tão frágil
Vazio e sem contorno

Faz chuva, esconde o horizonte
A cada vez que você não vem
Não vale se amar tão de longe
É de perto que a gente se faz um bem

Faz chuva, esconde o horizonte
A cada vez que você não vem
Não vale se amar tão de longe
É de perto que a gente se faz um bem

Faz chuva, esconde o horizonte
A cada vez que você não vem
Não vale se amar tão de longe
É de perto que a gente se faz um bem



publicidade