buscar

Roberto Carlos

estilos: Jovem Guarda, Romântico

Seu Corpo / Cafe da Manha / Os Sues Botoes / Falando Serio / O Concavo e o Convexo / Eu e Ela ((Versão Remasterizada) (Ao Vivo))

"Minha vida tem sido um amar sem conta,
lúcidas ou tontas, muitas, mas não tantas
Umas à luz do sol outras em brumas,
no sarro ou no carro, na febre da cama algumas
Que me perdoem as palavras que usei pensando nela
mas o suor dela ainda escorre no meu peito
Com ela o gesto do amor é perfeito!"

No seu corpo é que eu encontro
Depois do amor o descanso e essa paz infinita
No seu corpo minhas mãos
Se deslizam e se firmam numa curva mais bonita

No seu corpo o meu momento é mais perfeito
Eu sinto no seu peito o meu coração bater
E é no meio desse abraço que eu me amasso
E me entrego pra você

"Eu quero àquela hora em que os gestos valem todas as palavras
Eu quero ganhar tempo no tempo que voa rumo ao dia, que agonia
Eu quero a noite cortada de gemidos e sussurros
Eu quero as palavras dos amantes, eu quero tudo como antes
Tudo a dois, descansar só depois"

Amanhã de manhã
Vou pedir o café pra nós dois
Te fazer um carinho e depois
Te envolver em meus braços

E em meus abraços
Na desordem do quarto esperar
Lentamente você despertar
E te amar na manhã outra vez

Amanhã de manhã
Nossa chama outra vez tão acesa
E o café esfriando na mesa
Esquecemos de tudo

"Eu sempre vou ver você assim,
como um momento de retrato,
gravado na minha retina
Você menina, bicho do mato,
você guiando nosso amor no rumo exato,
conduzindo os nossos corpos a delírios incríveis
Nós dois guerreiros invencíveis nas batalhas"

Nos lençóis macios amantes se dão
Travesseiros soltos roupas pelo chão
Braços que se abraçam, bocas que murmuram
Palavras de amor enquanto se procuram

Os botões da blusa que você usava
E meio confusa desabotoava
Iam pouco a pouco me deixando ver
No meio de tudo um pouco de você

"Ai, aquela voz rouquinha, tipo fulaninha,
aquela falinha arrastada, ah eu te acho uma parada!
Não seria nada mal eu tentar ser o galã do seu fio dental
Aquela vontade que dá de recuperar o que está feito,
aquela beleza toda pra mim,
coloca-la do meu jeito e de ser exatamente assim"

Falando sério
Eu não queria ter você por um programa
E apenas ser mais um na sua cama
Por uma noite apenas e nada mais

Falando sério
Entre nós dois tinha que haver mais sentimento
Não quero seu amor por um momento
E ter a vida inteira pra me arrepender

"Mas é claro que eu já fiz charme, mas quem não fez?
Já dei de machão e voltei atrás
Parti pra sempre, retornei de vez
É, eu sou assim, exatamente [?]"

Nosso amor é assim pra você e pra mim
Como manda a receita nossas curvas se acham
Nossas formas se encaixam medida perfeita

Esse amor é pra nós a loucura que trás
Esse sonho de paz e é bonito demais
Quando a gente se beija
Se ama e se esquece da vida lá fora

Cada parte de nós tem a forma ideal
Quando juntas estão coincidência total
Do côncavo e o convexo
Assim é nosso amor

"eu saberia distinguir entre todas cicatriz
É que ela tem o cheiro de quem amo
Nós somos o encontro quase exato e [?]
Em qualquer momento, em qualquer plano
Nós temos, nós temos quase a mesma digitais
Nós somos quase iguais"

Um grande amor começa agora
Tudo é um sonho lindo para mim
Você entrou na minha história
O amor não escolhe a hora
Pega a gente e deixa assim

As emoções estão nessa estrada
Pra se viver a todo momento
E quando vem a madrugada
Coisas lindas são faladas
Nosso amor é mesmo assim

Eu e ela, eu e ela
Somos dois apaixonados
Caminhamos lado a lado
Nesse amor sem fim
Eu e ela, eu e ela
Somos mais que dois amantes
Cada dia mais que antes nesse amor

Eu e ela, eu e ela
Dois apaixonados
Lado a lado nesse amor sem fim
Eu e ela, eu e ela
Muito mais que dois amantes
Todo dia mais que antes nesse amor
publicidade
versão clássica © 2014
Roberto CarlosSeu Corpo / Cafe da Manha / Os Sues Botoes / Falando Serio / O Concavo e o Convexo / Eu e Ela ((Versão Remasterizada) (Ao Vivo))

Você deseja o áudio ou vídeo da música?

áudiovídeo