buscar

Roberto Carlos

estilos: Jovem Guarda, Romântico

Pobre de Quem Me Tiver Depois de Você (Versão Remasterizada)

Pobre de quem me tiver depois de você
Tem que imitar o seu jeito de amar e de ser
Tem que saber o que eu quero
Com o sexto sentido de quem adivinha
Me dar o amor que eu espero da mulher só minha

Pobre de quem me tiver depois de você
Tem que olhar meus defeitos e fingir que não vê
Tem que me amar como eu sou,
Aguentar meus ciúmes e as minhas manias
E ser igual a você todos os dias

Você me faz esquecer que eu sofri no passado
Você me ajuda a viver e a pagar meus pecados
Quando se zanga comigo se torna atrevida
Mas se você me deixar, o que eu faço da vida?

Pobre de quem me tiver depois de você
Se você me acostumou ao seu jeito de ser
Fez de mim esse apaixonado
Seu homem, seu dono, seu menino mimado
E agora quem vai me querer, depois de você?

Você me faz esquecer que eu sofri no passado
Você me ajuda a viver e a pagar meus pecados
Quando se zanga comigo se torna atrevida
Mas se você me deixar, o que eu faço da vida?

Pobre de quem me tiver depois de você
Se você me acostumou ao seu jeito de ser
Fez de mim esse apaixonado
Seu homem, seu dono, seu menino mimado
E agora quem vai me querer, depois de você?

Quem é que vai me querer, depois de você? [2x]
Agora quem vai me querer, depois de você?
publicidade
versão clássica © 2014
Roberto CarlosPobre de Quem Me Tiver Depois de Você (Versão Remasterizada)

Você deseja o áudio ou vídeo da música?

áudiovídeo