fotos de Roberta Miranda

Roberta Miranda

Sertanejo

Decisões

Roberta Miranda

São decisões, são emoções
Que eu deixei passar
Eu fui artista vinte e quatro horas
Pra ninguém notar

Eu me peguei sofrendo tanto
E entendi que os anos se passaram
Cadê meus olhos que sorriam por um ideal
Hoje só derramam pranto

Olha, o que sofri na pele, valeu
As noites mal dormidas, teu sono, meu pranto
O dia que chegava
Sem trazer você, que eu amo tanto

Vou arrebentar de vez, a fêmea que existe em mim
Ser tua lucidez, um amanhã sem fim
Ser livre ou pecado, ouvir a voz do coração

Pois fui atriz desse teatro
Palco da minha casa
Fui aprendiz das armadilhas
Que esta vida reservou

Se me valeu por me anular pra te fazer feliz não sei
Só sei que em mim bateu uma saudade do que fui
Vou te ferir para você sentir a mesma dor
E conquistar o teu amor

Olha, o que sofri na pele, valeu
As noites mal dormidas, teu sono, me pranto
O dia que chegava
Sem trazer você, que eu amo tanto

Vou arrebentar de vez, a fêmea que existe em mim
Ser tua lucidez, um amanhã sem fim
Ser livre ou pecado, ouvir a voz do coração

Envie essa música para um amigo
  • publicidade