fotos de Roberta Miranda

Roberta Miranda

Sertanejo

Canalha Encantador

Roberta Miranda

Você desmereceu meu sentimento
Você não quis ouvir o meu socorro
Gritei, me agarrei naquele galho
Pra não afundar de vez
Você tem um alguém que nem sequer olha
Você se envaideceu, me iludiu
E eu fiquei aqui plantando vida na esperança de sorrir
E ser feliz

Agora não adianta chorar
Alguém já disse que é preciso conhecer
Um canalha ao menos uma vez
Que é pro coração ficar esperto
E não cair em certas armadilhas
E contar de 1 a 100

Número 1: Um canalha encantador
Aquele que te prende na cama na hora de fazer amor
Número 2: Aquele que te envolve por você ser carente
Te enrola como um cobertor
Número 3: Agora sim é minha vez
Quantas vezes te traí por você zombar de mim?
Pra terminar
Quantas vezes eu chorei?
Quanto mal você me fez?
Já não tenho amor pra dar

Você é um perigo para o coração
É um profissional na arte de iludir
O homem pode ter a melhor ração em casa
Mas sempre sai pra vasculhar o lixo alheio
E quando se percebe que tudo é ilusão
O homem volta pra pedir perdão
E contar de 1 a 100

Número 1: Um canalha encantador
Aquele que te prende na cama na hora de fazer amor
Número 2: Aquele que te envolve por você ser carente
Te enrola como um cobertor
Número 3: Agora sim é minha vez
Quantas vezes te traí por você zombar de mim?
Pra terminar
Quantas vezes eu chorei?
Quanto mal você me fez?
Já não tenho amor pra dar

Pra terminar
Somos dois apaixonados
Somos filhos do pecado
O melhor mesmo é tentar

Você desmereceu meu sentimento

Envie essa música para um amigo
  • publicidade