Rionegro e Solimões

Vou Tomar Birita

Rionegro e Solimões

A semana inteira você me evitou
Não fala comigo, não faz mais amor
Às 7 e meia se tranca no quarto
Me deixa sozinho na sala de estar
Eu já tô cansado de pedir esmola
Você me esnobando, pisando na bola
Eu já tô cansado de ser invisível
Hoje é o fim desse amor insensível

Eu não vou dormir na sala, nem no quarto de visitas
Vou tomar birita, vou tomar birita
Vou amanhecer na farra rodeado de meninas
Vou tomar birita, vou tomar birita
Eu não vou dormir na sala, nem no quarto de visitas
Vou tomar birita, vou tomar birita
Vou amanhecer na farra rodeado de meninas
Vou tomar birita, vou tomar birita
publicidade