Rionegro e Solimões

Alô Meu Coração

Rionegro e Solimões

Ela sorri de um jeito
Assim tão gostosinho,
Quando fala que me ama
Louco por carinho,
Ela me diz bemzinho
Assim agente quebra a cama
E eu que ja não gosto,
Viro escravo dela,
Tudo que ela quer eu dou
Que nem cachorro magro,
Grudado na costela
Onde ela vai eu vou

Alô, alô, alô meu coração
É o seu amor falando
Eu tô, eu tô doidinho de paixão
E anoite eu to chengado (2x)

Não sei viver sem ela,
E o carinho dela,
Nem por um milhão eu vendo
As horas vão passando,
Agente vai se amando
E nosso amor vai so crescendo
Ela tem um jeito que faz cuca
E agente so no aí aí aí
Quando ela diz amor,
Você me poe maluca
Ai amigo a casa cai

Alô, alô, alô meu coração
É o seu amor falando
Eu tô, eu tô doidinho de paixão
E anoite eu to chengado (3x)

Uhhhhh...(2x)
publicidade