Peão do Valle e Valentin

Furia De Amar (Ao Vivo)

Peão do Valle e Valentin

Menina não me alucina
Tenho que ser seu amigo
Esse amor é bandido
Muda esse clima
Senão me domina

Esqueça me obedeça
A carne do homem é fraca
Se estou de ressaca
Eu perco a cabeça
Me obedeça!

Amor e paixão é proibido
Sem chance sai desse lance
Seus olhos me enforcam, me provocam
Tô dominado, tá tudo errado

Porque você sabe
Conhece esse meu coração
Se estou nos braços de outra
Não tenho perdão

Ela tem magia no olhar que mexe comigo
Ficar perto dela é correr perigo
Coração incendeia, não dá pra apagar

Tento fugir desse jogo
Porém não consigo
É o xeque mate do amor proibido
E a gente se entrega
Na fúria de amar

publicidade