fotos de Padre Fábio de Melo

Padre Fábio de Melo

Gospel/Religioso

Beleza Imperfeita

Padre Fábio de Melo

Tanto amor já se acabou
Tanta gente já passou
Hoje, eu vejo tanta ausência
Neste espaço que é teu
Onde sei que colecionas
Teus amores e ilusões
Os teus olhos não escondem
Estão cansados, posso ver

Tudo o que te aconteceu
Foi por falta de entender
Que amar não é prender
Nem ter domínio sobre alguém
Mas consiste em fazer livre
A quem se ama e se quer bem
Todo amor que não promove
A liberdade, não convém

Eu já não posso esperar o amanhã
Pra consolar teu coração
E afirmar-te que apesar de tantos erros
Eu te amo mesmo assim
E ainda que já não possas mais voltar
Pra consertar o que se foi
Eu te abro o coração e te asseguro
És meu filho mesmo assim

Que o teu olhar não se prenda
Em quem não quer
Ver-te para além das ilusões
Pois o amor que vale à pena nesta vida
Dá ao coração sempre o direito
De ser ele imperfeito
E mesmo assim poder ser mais feliz

Se te escondes em tuas ilusões
E te ocultas naquilo que não és
Perderás a vida e não verás
A beleza de ser o que tu és
Misto de beleza e imperfeição
Que merece ser feliz

Envie essa música para um amigo

Marcas do Eterno
Album: Marcas do Eterno
Gravadora: Paulinas-Comep
Ano: 2002
Faixa: 8
  • publicidade