foto

Anjo da Guarda (Ao Vivo)

Os Tribalistas

Ôh, quem tá falando é a fada-madrinha

Escureceu
O sol baixou
Anjo da guarda
Cantarolou
Nana neném
Nana neném
Cacheadinho
Anjinho

É de manhã
Sob o sol
Cada gota de orvalho
A secar
É suor
É suor de trabalho
Nana neném, nana neném, nana neném

O estudante
O trabalhador
Sente em deixar
O cobertor
Pega a marmita
Ronca o motor
Leva a beleza
Pra vida

É de manhã
Sai da cama
Havaiana no pé
Apostila
Na mochila
E na mão um café
Nana neném, nana neném, nana neném

Escureceu
O sol baixou
Anjo da guarda
Cantarolou
Nana neném
Nana neném
Cacheadinho
Anjinho

É de manhã
Sob o sol
Cada gota de orvalho
A secar
É suor
É suor de trabalho
Nana neném, nana neném, nana neném

O estudante
O trabalhador
Sente em deixar
O cobertor
Pega a marmita
Ronca o motor
Leva a beleza
Pra vida

É de manhã
Sai da cama
Havaiana no pé
Apostila
Na mochila
E na mão um café
Nana neném, nana neném, nana neném...

E aí foi embora, seu anjo da guarda
publicidade