foto

Dê Lhe Gaita

Os Milongueiros

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear

A gauchada se solta no compasso da vaneira
Dançando bem marcadito no estilo da fronteira
De repente o Chico Manco se intrevero na fogueira
E foi gritando desse jeito
- Mais oi galete porqueira seu

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear

No intrevero de dança no meio daquela poeira
Descobri uma prenda linda dançando alegre e faceira
Deu um sorriso pra mim chegou a me dá uma bobeira
E o chico manco gritando
- Mais oi galete porqueira seu

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear

Quando foi lá pelas tantas era grande a bebedeira
Um índio metido a macho começou dizer besteira
E o patrão falou bem alto - abre o olho bagacera
E o Chico manco gritando
- Mais oi galete porqueira seu

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lhe gaita
Ai dê-lhe gaita que o baile vai começar

Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita Até o dia clarear
Ai dê-lhe gaita gaiteiro dê-lh gaita
Dê-lhe gaita dê-lhe gaita até o dia clarear

Quando clareou o dia eu gritei pras cozinheiras
Prepare um café gostoso daqueles feito em chaleira
Na base do dê-lhe gaita terminou a brincadeira
E o Chico manco gritando
- Mais oi galete porqueira seu

publicidade