Parentes de George Michael decidem não comentar sobre a morte do ídolo

, 11h54, por Alexandre Murari
Divulgação

Os familiares de George Michael revelaram que não irão se pronunciar ou comentar sobre a morte do cantor, ocorrida no último dia 25, na casa de George, em Oxfordshire, na Inglaterra.

Para os parentes, comentar sobre o caso antes das investigações serem concluídas é algo "inapropriado".

→ Namorado de George Michael foi hackeado; tuíte sobre suicídio era falso

Em um comunicado enviado ao site "Buzzfeed News", os familiares do astro deixam claro: "Nesta semana após a trágica morte dele, houve muitos comentários e especulações sobre George e as circunstâncias em torno de sua morte. Haverá inevitavelmente mais no futuro. A família continua devastada por essa perda e não tem o menor desejo de comentar sobre nenhuma especulação, seja no presente ou no futuro".

Vale destacar que a posição dos parentes foi tomada após o namorado de George, Fadi Fawaz, ter sua conta no Twitter invadida por hackers, que postaram que a morte do ídolo britânico havia sido suicídio. Fawaz, que teve sua conta deletada pelos invasores, afirmou que o tuíte não foi verdadeiro.