Neil Young acredita que ainda não é hora de voltar aos shows

, 11h38, por Amanda Ramalho
Divulgação/ Instagram Neil Young @neilyoungarchives

O cantor Neil Young ainda não se sente confiante para shows e cancelou apresentações. O músico afirmou que ainda não é o momento para voltar aos palcos e criticou duramente o retorno dos shows nos Estados Unidos, afirmando que a falta de aderência das vacinas não permite tal ação.

A notificação sobre o cancelamento das apresentações foi feita em seu site oficial junto a uma crítica as produtoras de eventos.

"Os grandes promotores, se tivessem consciência, poderiam impedir essas apresentações. Sem isso, todo mundo continua como se tudo estivesse bem. Mas não está. Live Nation, AEG e os outras grandes promotoras poderiam acabar com isso se pudessem simplesmente esquecer de ganhar dinheiro por um tempo… Eles controlam grande parte do negócio do entretenimento. Eles detêm o poder de interromper festivais onde milhares se reúnem e espalham. É o dinheiro que os mantém funcionando. Dinheiro que motiva a divulgação. Os grandes promotores são responsáveis ​​[pelos shows que espalham a doença].

Esses gigantes do entretenimento acabaram de reformar muitos locais antigos e gastaram muito dinheiro para fazer isso. Agora eles não podem parar de vender ingressos para pagar por isso. Dinheiro e negócios. Isso não faz com que eles estejam certos. É um exemplo ruim. As pessoas veem os shows anunciados e acham que não há problema em ir e aglomerar. Mas há. São eventos que espalham tudo isso, os irresponsáveis '​​Festivais da Liberdade'. Precisamos de liberdade para estarmos seguros. E não um exemplo ruim. Isso pode ser apenas o começo".

Errado ele não está!

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo da música. Curta nossa página no Facebook!

Ouvir músicas do Neil Young