Malcon Young, do AC/DC, foi enterrado nesta terça-feira, 28

, 12h20, por Alexandre Murari
Divulgação

No último dia 18, a banda AC/DC anunciou a morte do guitarrista Malcon Young, de 64 anos. O músico já havia deixado as atividades, em 2014, por sofrer demência e outros problemas de saúde. A banda revelou que Malcon "morreu tranquilamente com sua família ao seu lado".

→ Lucas Lucco e Pabllo Vittar gravam clipe juntos

→ Alcione lançará musical para contar a sua vida

Nesta terça-feira, na cidade natal da banda, Sydney, na Austrália, parentes e amigos celebraram uma cerimônia privada para velar o corpo de Malcon. Brian Johnson, vocalista da banda que se afastou em 2016 por problemas de audição, e o baterista Phil Rudd foram ao funeral, além dos músicos australianos Jimmy Barnes e Angry Anderson. Um grupo de fãs também se despediu do ídolo.

Em comunicado oficial, os integrantes já haviam cravado a importância que teve Malcon para a carreira do AC/DC:

"Malcolm, ao lado de Angus, era o fundador e criador do AC/DC. Com grande dedicação e comprometimento ele era uma das forças por trás da banda. Como guitarrista, compositor e visionário ele foi perfeccionista e um homem único", disse a banda.

Vale lembrar que, no mês passado, George Young (irmão de Angus e Malcolm) morreu, aos 70 anos. Ele era produtor da banda, que, nos anos 1960, havia participado da banda Easybeats. Na sequência, ao lado da banda Harry Vanda, produziu vários trabalhos do AC/DC, Steve Wright e outros.