Depoimento de Britney Spears sobre sua tutela causa comoção

, 13h34, por Amanda Ramalho
Reprodução Instagram Britney Spears

Não é de hoje que Britney Spears pede o fim da tutela abusiva de seu pai. Há 13 anos a cantora tem a vida controlada, mas agora, conseguiu uma audiência pública para se livrar da violência paterna que segundo ela a controlou "100.000%".

A eterna princesinha do pop contou coisas pesadas, incluindo uma invasão íntima que na época a proibia de ter mais filhos. Além disso, Brit foi obrigada a tomar remédio psiquiátrico contra sua vontade.

Jamie Spears, pai da cantora, foi quem assumiu o controle dos negócios da artista por meio de uma ordem judicial no ano de 2008. Na ocasião, a ordem foi concedida depois que a voz de "Toxic" foi internada em meio a preocupações com sua saúde mental.

Por telefone a um juiz em Los Angeles, Britney contou que seu trauma é tão grande que chora todos os dias: "só quero minha vida de volta!"

De acordo com a agência de notícias "Associated Press", o processo pode se arrastar por muitos anos antes que a deliberação do fim da tutela seja tomada.

"Mereço ter uma vida, trabalhei toda a minha vida. Mereço uma pausa de dois a três anos", declarou a artista em depoimento.

Britney, que é mãe de dois filhos, queria ser casar com o namorado e ter outro filho, mas tutela não permitiu. Segundo acusações da cantora, seu pai não a deixou remover o dispositivo anticoncepcional intrauterino (DIU) para que ela pudesse engravidar.

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo da música. Curta nossa página no Facebook

Ouvir músicas da Britney Spears