Demi Lovato sobre discos antigos: "lançava meus álbuns cansada deles"

, 14h43, por Amanda Ramalho
Reprodução Instagram Demi Lovato

Que Demi Lovato está bem diferente, encarando seu renascimento com outros olhos e disposta a contribuir sendo exemplo isso nós percebemos.

Agora, divulgando seu novo álbum "Dancing With The Devil: The Art Os Starting Over" (CLIQUE PARA OUVIR)", a cantora aproveitou para falar sobre diversos momentos da sua vida, incluindo quando estava produzindo materiais anteriores.

"Eu já lançava meus álbuns cansada deles. Eu os ouvia sem parar... Mesmo se fosse um álbum com apenas 12 músicas, eu ouviria essas 12 músicas repetidamente, por um ano ou um ano e meio, enquanto fazia o álbum, para que pudesse mergulhar completamente no som e acrescentar outras coisas. Você sabe, depois de ouvir [as músicas] por meses, você percebe coisas diferentes.

Esse é o primeiro álbum do qual não me senti cansada dele no momento de lançá-lo. E eu pensei, 'Uau, acho que isso é um bom sinal'. É um trabalho muito bom e estou orgulhosa disso. Para mim, os números não importam muito. É óbvio que, se forem bons, vai significar muito pra mim. Mas a razão pela qual fiz este álbum, as mensagens que eu transmito nele, é isso... não importa o quão bem ou mal ele siga daqui em diante, eu ficarei feliz, porque amo este trabalho
".

Vale lembrar que em "Dancing With The Devil: The Art Of Starting Over", Demi narra sobre sua história mais recente: a overdose quase fatal em 2018 e como fez para "renascer" após este episódio sombrio em sua vida.

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo música. Curta a nossa página no Facebook!

Ouvir músicas da Demi Lovato