Condenado o motorista do acidente que matou Cristiano Araújo

, 14h15, por Alexandre Murari
Divulgação

Foi condenado no último dia 11, em decisão tomada pela juíza Patrícia Machado Carrijo, da Comarca de Morrinhos – Go, Ronaldo Miranda, motorista do acidente que matou o sertanejo Cristiano Araújo e sua namorada Alana Moraes, há quase três anos.

→ Veja quem se apresenta no Grammy 2018, no fim do mês

→ Em MG, febre amarela mata compositor da música brasileira

Para a juíza, ficou comprovada a autoria do crime uma vez que Miranda "tinha plena ciência sobre as condições precárias das rodas instaladas no veículo e do risco inerente da sua utilização no momento de sua condução".

→ Mc Diguinho tem música excluída e se retrata sobre apologia

De acordo com a sentença, que ainda cabe recurso, Ronaldo deverá cumprir dois anos e sete meses de detenção em regime aberto pelo crime de homicídio culposo, quando não há a intenção de matar. De acordo com o G1, o culpado ainda não foi informado sobre a decisão da juíza.

Além disso, a Patrícia determinou que Miranda pague R$ 25 mil a título de reparação dos danos causados aos sucessores de cada uma das vítimas. O motorista ainda teve a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa por dois anos.