Barrada em evento chinês, Katy Perry é substituída por Harry Styles

, 12h36, por Alexandre Murari
Divulgação

Na próxima segunda-feira, 20, acontece em Xangai, na China, um desfile da Victoria's Secret que, infelizmente, não contará com a cantora Katy Perry porque ela teve o visto recusado pelo governo chinês. Quem entra no lugar de Perry é o inglês Harry Styles.

→ Luiza Possi fala sobre a depressão: "fui ladeira abaixo"

→ Selena Gomez e Bieber são flagrados aos beijos

De acordo com o site Page Six, a decisão do governo chinês foi motivada por um vestido cheio de girassóis que Perry usou em 2015, em Taiwan. Á época, o girassol foi um símbolo adotado por manifestantes tailandeses contra o governo chinês e a cantora ainda manifestou apoio a Taiwan exibindo uma bandeira do país.

"Para todo artista que quer se apresentar na China, os oficiais fazem uma verdadeira varredura nas redes sociais e na imprensa para ver se eles fizeram algo ofensivo para os chineses", afirmou a publicação, citando o Maroon 5 como exemplo. "A banda foi banida há alguns anos, porque um integrante desejou feliz aniversário ao Dalai Lama no Twitter", concluiu.

A top model Gigi Hadid também não irá comparecer no desfile. Rumores dão conta de que a modelo também foi barrada por conta de uma postagem nas redes sociais, em que imitava e fazia piada com a religião budista.