fotos de Nelson Gonçalves

Nelson Gonçalves

Velha Guarda, MPB

Sianinha

Nelson Gonçalves

Sianinha
Na ilusão dos 15 anos,
Das tristezas, dos desenganos,
Não sabia da existência.

Pensava,
Pensava que toda gente
Fosse como ela, inocente
Sianinha quanta inocência

Um dia
Alguém surgiu em seu caminho
E então o primeiro espinho
Feriu Sianinha, menina flor.

E ela,
Que viveu ingenuamente,
Foi caindo lentamente,
E nunca mais acreditou no amor.

Agora,
Se alguém lhe acena com felicidade
Coitada Sianinha não sabe
Que ainda existe amor de verdade

Mentiram,
Fingiram tanto que ela
Acredita que o homem é
A encarnação da maldade

Sianinha,
Antigamente ingênua, risonha
Atualmente sisuda, tristonha
Não ama, não sonha, não tem um bem

E eu
Primeiro espinho no amor de Sianinha
Apaixonei-me por desgraça minha
Por ela que agora não ama ninguém.




Envie essa música para um amigo

Quando a Lapa Era Lapa
Album: Quando a Lapa Era Lapa
Gravadora: Sony Music Entertainment
Ano: 2010
Faixa: 9
  • publicidade
  • Top Músicas
  • 01 Naquela Mesa
  • 02 História da Lapa
  • 03 Cara A Cara
  • 04 Rainha Da Lapa
  • 05 Renúncia
  • 06 A Volta Do Boêmio
  • 07 Não Me Esqueças
  • 08 Aquela Mulher
  • 09 Timidez
  • 10 No Rancho Fundo