foto

Corrente

MV Bill

corrente, que não quebra
não enverga não arrega
fico ligada quando
ficam na minha frente
vamo vamo lá difarça que é gente
não me barrera, fique na sua
e não se meta com a gente
na rota do objetivo então
vejo o descontrolado perder a razão
não vem de papo furado que seu caô
tá manjado eu sou Camile e tu respeita
a rima do meu irmão

é do nosso jeito a chapa é preta
transformando o gueto com o poder de uma caneta
papo reto nem sempre lógico
o inimigo ri pra testar psicológico
se liga rapa, olho gordo não consegue encherga
disunido tamo fudido ninguém pode prospera
falsidade aliada egoísmo, fujitivo do coletivo
do individualismo, só eu me sinto só como
o coletivo militante ativo combatendo o sono
ofensivo sigo minha cabeça, sigo minha conduta
sem me deixar guiar por nenhum filha da puta
e você que me odeia, fala quem tu ama de verdade
publicidade
publicidade